In featured Inspiração

Coco Chanel


Oioi, gente!
* prometo que o texto dessa semana vai ser curtinho, rs

Graças a nossa senhora da alta-costura GIRLBOSS estreou hoje no Netflix.
E, para ficar nesse campo das modas, falaremos sobre Coco Chanel [diva e poderosa].

Na real pouco se sabe realmente sobre mademoiselle [que convenhamos, era sempre uma incógnita], tantas eram as mentiras que ela contava sobre si mesma.

Mas sabemos que: 
 Chanel começou como uma costureira "empregada", que abandonou o emprego, a vida na cidade e que graças a seus amantes começou um negócio de chapéus - que depois evoluiu para o vestuário, tamanha era a maestria de Gabrielle para lidar com as roupas, fosse para criar ou reformar...

 Em seus últimos dias, mademoiselle conseguia fazer com que ninguém ficasse perto dela por muito tempo, de tanto que era insuportável. Mas um jovem amigo a entendia, e nunca a abandonou. Inclusive, quando Chanel teve um problema de saúde que a fez perder os movimento de um dos pulsos, esse amigo lhe fez um bracelete para que ela ocultasse esse problema do público. Pena que não lembro quem ele é...

F.I.Y: existem muitas biografias para vocês se informarem melhor, sendo a maioria sensacionalistas como Dormindo Com o Inimigo, que conta o envolvimento de Chanel com um oficial nazista.

Mas também existem outras bem mais responsáveis, como A Era Chanel; e Coco Chanel, esse último de Justine Picardie [os únicos que recomendo].

Também temos alguns filmes e séries, sendo o melhorzinho deles Coco Antes De Chanel, com Audrey Tautou.

Parece que no final das contas o texto não ficou tão curto, né? Chanel que me perdoe...

...............->->-.......♡.......-<-<-...............

Auf Wiedersehen docinhos, e até breve...

Related Articles

2 comentários:

  1. Só amei esse post <3
    E também estou aqui amando Girlboss kkkkkkkkkk

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada Ranna!!!
      Depois me conta o que você achou da série, valeu?

      Kissy Kissy

      Excluir

Deixe seu cometário ;)